28 de fevereiro de 2024 12:52

Governo insiste em implantar pedágios, mesmo com reprovação da sociedade

Mogi-Bertioga terá pedágio e também irá prejudicar a população onerando motoristas Foto: Divulgação

Compartilhe este conteúdo...

Já é dada como certa a implantação de pedágios no sistema Free Flow, nas rodovias Mogi-Dutra, perímetro mogiano e na Mogi-Bertioga, já dentro do limite bertioguense pelo governo do Estado de São Paulo. O governador Tarcísio de Freitas (Republicanos) insiste nesta medida, mesmo com movimentos contrários à implantação e a reprovação da sociedade que será prejudicada com tal medida.

O governo paulista, por meio do Programa de Parcerias de Investimentos do Estado de São Paulo (PPI-SP), aprovou a modelagem final para o leilão de rodovias do Lote Litoral. A concessão, por 30 anos, abrange 213 km de vias que ligam o Alto Tietê ao Litoral Sul. Os trechos das SP-055, SP-088 e SP-098 passam pelos municípios de Arujá, Bertioga, Itanhaém, Itaquaquecetuba, Itariri, Miracatu, Mogi das Cruzes, Mongaguá, Pedro de Toledo, Peruíbe, Praia Grande e Santos. Os investimentos estão estimados em R$ 4,3 bilhões.

Pesquisa:
Diante da repercussão negativa dessa iniciativa, o Jornal Impresso Brasil (JIB), contratou a empresa A.R. Pesquisa (AR-PPN), para saber a opinião da população dos municípios do Alto Tietê, 11 no total e do Litoral Paulista, neste caso, Bertioga, a respeito da decisão do governador sobre a instalação de pedágios e também aproveitou para saber como eles avaliam a gestão do chefe de Estado, Tarcísio de Freitas.

A popularidade do governador está em queda no Alto Tietê e em Bertioga, após a confirmação por meio da Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp), que anunciou para o mês de novembro, a abertura dos envelopes seguindo o processo de implantação de pedágios. Esse foi o principal motivo dessa rejeição. Questionados se sabem da instalação de pedágios nas rodovias citadas, 90% dos entrevistados disseram que sim, 7% falaram não e 3% não souberam responder.

Compartilhe este conteúdo...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS