21 de maio de 2024 07:49

Camargo quer gerar 10 mil empregos até 2025 com o “Desenvolve Arujá”

Projeto apresentado beneficiará geração de empregos na cidade e trará crescimento econômico Foto: Divulgação

Compartilhe este conteúdo...

O ex-governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSB) já dizia carinhosamente que o município de Arujá é a esquina do Brasil.

O fato de estar geograficamente bem posicionada, tendo acesso por diversas rodovias como: Mogi-Dutra, Dutra e Ayrton Senna, credencia a cidade como importante polo industrial e de escoamento para todas as regiões do Estado de São Paulo.

O programa de incentivos fiscais visa fomentar o desenvolvimento de Arujá, gerando Emprego e Renda no município, beneficiando grandes, médias e pequenas empresas, por meio da revisão da carga tributária de alguns impostos e das taxas de licença, como: IPTU, ITBI e ISSQN.

Através dessa medida, o prefeito Luís Camargo (PSD), pretende gerar 10 mil empregos até 2025.

O empresário busca incentivo fiscal, mão de obra qualificada, desburocratização, escoamento e Arujá tem o melhor do Brasil”, avalia o gestor público.

A redução da taxa de fiscalização beneficiará de forma direta 5 mil empresas e segundo Camargo: “Arujá se torna o melhor local para investimentos no Estado de São Paulo”.

O município vem sendo impulsionado em todos os aspectos e na questão orçamentária não é diferente. Para o próximo ano, estão sendo projetados R$ 606 milhões, salto gigante se comparado ao primeiro ano de mandato do prefeito, em 2021, que era de R$ 279 milhões. O orçamento mais que dobrou durante o período e a cidade sonha alto para 2025, projetando cerca de R$ 800 milhões de receita que vão impactar diretamente na vida dos aruajenses gerando muitos empregos.

Compartilhe este conteúdo...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS