23 de abril de 2024 08:26

Elvis Vieira assume Secretaria de Meio Ambiente em Suzano após saída de Chiang

André Chiang deixa a pasta nesta sexta-feira (01/03) para se dedicar a projetos pessoais; secretário Elvis Vieira assume de forma interina Foto: Divulgação

Compartilhe este conteúdo...

André Chiang encerrou a gestão à frente da Secretaria Municipal de Meio Ambiente nesta sexta-feira (01/03) após ficar pouco mais de três anos à frente da pasta. Durante o período, compreendido entre dezembro de 2020 e fevereiro de 2024, o secretário comandou uma série de iniciativas voltadas principalmente à castração, adoção responsável, construção de equipamentos de promoção ao bem-estar animal, preservação de locais de proteção de mananciais e políticas públicas focadas voltadas ao meio ambiente. O novo titular é o arquiteto e urbanista Elvis Vieira, que também é secretário municipal de Planejamento Urbano e Habitação, e agora assume de forma interina a pasta.

Chiang vai se dedicar a projetos pessoais. Ele deixa um legado de defesa à causa animal e à sustentabilidade no município. O trabalho da equipe da pasta sob sua gestão culminou na certificação da cidade, em 2023, no “Programa Município VerdeAzul” (PMVA), do governo de São Paulo, com Suzano tirando nota 10 nos quesitos Governança Ambiental; Avanço na Sustentabilidade; Educação Ambiental; Gestão das Águas; Esgoto Coletado e Tratado; e Resíduos Sólidos, garantindo com 88 pontos a maior nota desde 2008, levando em consideração os outros parâmetros e registrando um avanço significativo nos últimos sete anos.

O trabalho de castração de animais, política pública que reduz a quantidade de pets abandonados, também foi uma marca da gestão de Chiang. Até o final de 2023, a Secretaria de Meio Ambiente já havia realizado 8.540 procedimentos em mutirões, que começaram a ser realizados em 2018. Além da cirurgia, os pets também passam por microchipagem. Com ela, caso o animal se perca e seja encontrado por alguém, é possível levá-lo em alguma clínica veterinária para que um profissional que possua leitor de microchip tenha acesso aos dados do tutor e entre em contato para a devolução. Por sua vez, o projeto “Baby, me Leva!”, criado em 2021, contabilizou mais de mil adoções até o fim de 2023, sendo que somente em 2022 a ação foi responsável por conseguir lares para 613 cães e gatos de diversos portes e idades.

O secretário avaliou os números e destacou a felicidade com os resultados obtidos durante três anos comandando a pasta. “Cada castração realizada impediu que dezenas de cães e gatos fossem abandonados ao nascer. Cada adoção tornou o cotidiano de uma família da nossa cidade mais alegre. A sensação é de dever cumprido, pois deixamos um grande legado, com uma perspectiva para crescimento nos próximos anos. Isso mostra que nosso trabalho foi realmente efetivo”, analisou.

Para 2024, Chiang deixou encaminhada a construção do Centro de Bem-Estar Animal. O espaço contará com clínica veterinária, gatil e um abrigo com capacidade para cerca de cem pets que foram abandonados, a previsão é de que seja entregue até o fim do ano. Além disso, a cidade ganhou, em 2023, o Parque Municipal de Conservação Ambiental Professora Bianca Carla Nunes da Silva, o Parque Mirante do Sesc, um dos grandes feitos da pasta.

Em 2021, a Secretaria de Meio Ambiente instalou o quarto ecoponto da cidade, que fica no Jardim Dona Benta. A divulgação das unidades foi intensificada e, somada à atuação do Cata-Treco, reduziu o descarte irregular de resíduos no município. Para se ter uma ideia da importância dos equipamentos, o balanço do ano passado apontou o acolhimento de quase 2 mil toneladas de resíduos provenientes de poda, jardinagem, construção civil, materiais recicláveis, óleos de cozinha, pilhas, baterias, latas de tinta vazias, entre outros.

Na visão do secretário, os equipamentos foram fundamentais para evitar o depósito irregular de inservíveis e consequente promover a preservação da natureza durante o tempo de sua gestão. “Esses locais, somados a um intenso trabalho de conscientização à população, resultaram em um avanço considerável na quantidade de materiais descartados da forma correta. Ainda há muito a se fazer, mas os equipamentos ficam para que haja a sequência deste grande projeto”, salientou.

Com Chiang, a cidade teve o retorno do atendimento veterinário por meio de clínicas parceiras e cadastrou empresas no projeto “Caçamba Verde”. Foram 14 só no ano passado. Em 2023, a pasta também atuou em diversas denúncias de crimes ambientais. Foram recebidas 360, sendo 42 de irregularidade em sistema de resíduos da construção civil; 33 de supressão de vegetação; 32 de empreendimento sem licença; 31 de intervenção em Área de Preservação Permanente (APP); 28 de intervenção em Área de Proteção de Mananciais (APM); 24 de descarte de resíduos sólidos; 16 de movimento de movimentação de terra; 12 de maus-tratos a animais; 11 de construção irregular; 11 de outros assuntos; oito de uso e ocupação irregular do solo; sete de queimada urbana e rural; quatro de intervenção em cursos d’água; três de descumprimento de Termo de Compromisso de Recuperação Ambiental (TCRA); três de emissão de poluentes; duas de emissão de efluentes; e uma de queda de árvore.

Na ótica de Chiang, a preocupação com o meio-ambiente precisa começar cedo. Por isso, a cidade possui uma parceria com o Rotary Club Suzano para o recebimento de Pontos de Entrega Voluntária (PEVs). Os equipamentos são destinados às escolas municipais da cidade para a realização do projeto “Prefeitura Coleta”, que tem como objetivo arrecadar materiais recicláveis nas unidades de ensino.

Nesta semana, Suzano atingiu a marca de 43 estruturas recebidas pelo Rotary desde 2022. O secretário expressou sua gratidão pelas doações. “Esses pontos estão indo para as escolas, para que conscientizem as crianças sobre o descarte correto de materiais recicláveis. A ideia é fazer com que as próximas gerações tenham em mente que isso é essencial para a preservação da natureza”, finalizou Chiang.

Novo titular

O secretário de Planejamento Urbano e Habitação, Elvis José Vieira, agora também assume o Meio Ambiente de forma interina com a missão de dar continuidade ao trabalho realizado. Natural de Poá, é graduado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Braz Cubas (UBC), possui pós-graduação em Gerenciamento Ambiental pela UBC e é professor há mais de 24 anos na mesma instituição.

Com conhecimento na área ambiental, Vieira assume a pasta para realizar um trabalho tão efetivo quanto o que exerce há mais de sete anos no Planejamento Urbano.

O novo comandante destacou a expectativa de conduzir o Meio Ambiente da cidade a partir deste sábado (02/03). “Nós sempre trabalhamos em conjunto e isso facilita no entendimento dos processos realizados na Secretaria de Meio Ambiente. Muito do que é feito nesta pasta passa pela Habitação. Estou pronto para continuar o grande trabalho realizado pelo André (Chiang) e desejo muita sorte a ele nos projetos pessoais aos quais vai se dedicar”, definiu o secretário.

Compartilhe este conteúdo...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS