21 de fevereiro de 2024 11:22

Clínica da Mulher de Suzano inicia orientações jurídicas a vítimas de violência

Compartilhe este conteúdo...

Inaugurada pela Prefeitura de Suzano em 27 de janeiro (sábado), a Clínica da Mulher Claudete Oliveira dos Santos (rua Kazuo Kajiwara, 91 – Parque Santa Rosa) passa a oferecer a partir desta terça-feira (06/02) um novo serviço de orientação jurídica às vítimas de violência. Os atendimentos serão feitos pela advogada e presidente da Comissão da Mulher da 55ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB Suzano), Maria Margarida Mesquita.

Neste primeiro momento, o agendamento poderá ser feito de forma presencial na unidade, localizada ao lado do Ambulatório de Especialidades Médicas Dr. Joracy Cruz, entre 7 e 17 horas. Já os atendimentos ocorrerão entre 8 e 16 horas, inicialmente às terças-feiras. Além das orientações, o serviço garantirá, quando necessário, encaminhamento dos casos à Casa do Advogado, Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) de Suzano, Sala Rosa, ao Conselho Tutelar, Fórum de Suzano e ao Ministério Público do Estado de São Paulo.

A Clínica da Mulher é a primeira unidade da rede municipal de Saúde a oferecer o suporte jurídico, promovendo a integração de um conjunto de serviços que podem ser encontrados neste novo equipamento da prefeitura e se tornando mais um polo de referência para o acolhimento às vítimas de violência. 

Voltado ao atendimento exclusivo do público feminino, o prédio tem capacidade para realizar até 120 consultas médicas mensais e receber aproximadamente 50 pacientes por semana, para avaliação psicossocial. Além do planejamento familiar, o atendimento contempla mulheres com pré-natal de alto risco e que precisam de coleta de papanicolau, ultrassonografia, implantação de DIU e Implanon. A unidade também oferece testes rápidos, retirada de ponto e colposcopia, entre outros serviços.

Estruturalmente, o equipamento conta com quatro consultórios, salas de procedimentos, ultrassonografia, gerência e medicação, além de recepção, brinquedoteca, banheiros e parte administrativa. A equipe conta, neste primeiro momento, com dois médicos. Vale ressaltar que as mulheres continuarão realizando consultas médicas ginecológicas de rotina nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e serão encaminhadas para a Clínica da Mulher em casos em que seja preciso realizar exames complementares ou atendimento especializado.

O secretário municipal de Saúde, Pedro Ishi, afirmou que oferecer mais um serviço às mulheres representa um grande avanço no atendimento ao público feminino. “É um grande orgulho podermos contar com esse equipamento, que se soma a tantas outras novidades para a Saúde de Suzano. As mulheres terão à disposição uma ampla gama de serviços, que proporcionarão atendimentos específicos para elas e agora, além das consultas médicas, será disponibilizado esse suporte jurídico que ampliará nossa rede de acolhimento às vítimas de violência”, frisou o titular da pasta.

Compartilhe este conteúdo...

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

categorias

ÚLTIMAS NOTÍCIAS