31 de maio de 2019

Médico pediatra está sendo acusado de pedofilia em Biritiba

Biritiba Mirim está estarrecida com a suposta prisão por pedofilia do médico pediatra que atendia os pacientes na cidade.
Segundo informações extraoficiais, o profissional atendia no município já há algum tempo e ainda não é possível identificar o médico que teria sido preso pela equipe do Grupo Armado de Repressão a Roubos e Assaltos (Garra), que veio exclusivamente de Mogi das Cruzes à cidade, após receber denúncias do suposto abuso que o tal médico pediatra estaria cometendo nas imediações  de equipamentos públicos biritibanos.
A reportagem do Jornal Impresso Brasil (JIB) tentou por meio da Delegacia de Polícia de Biritiba Mirim, informações relacionadas a este crime que teria sido praticado pelo profissional da saúde, porém, fomos informados por um funcionário da delegacia que se tratava de segredo de justiça.
A  mesma informação também foi repassada pelo delegado seccional de Mogi das Cruzes, Júlio Vaz, que relatou a possibilidade do caso estar em segredo de justiça ou ser relacionado a problema de saúde diagnosticado pela ciência como distúrbio, o que não quer dizer que seja o caso deste profissional em específico. Vale ressaltar que a pedofilia leva o indivíduo adulto à perversão e a se sentir sexualmente atraído principalmente por crianças.